Você já deve ter lido, ouvido ou até participado dessa discussão: a nuvem é realmente segura? Embora mais rara a cada ano, ainda existem diretores, CEOs e até profissionais de TI que se perguntam a mesma coisa.

Se essa dúvida ainda paira na sua cabeça, este artigo foi feito para você! Nele, vamos explicar qual é a vantagem em segurança e disponibilidade na nuvem e como garantir o máximo de proteção para os dados da sua empresa:

 

Segurança e disponibilidade na nuvem: uma vantagem inédita para empresas

A Cloud Computing demorou pouco tempo para passar de uma dúvida sobre seus ganhos na operação de uma empresa para a certeza de uma vantagem competitiva em processos, economia e, principalmente, segurança.

Hoje, não há mais como argumentar que a nuvem perca em qualquer um desses quesitos para uma infraestrutura própria — além de ser estrategicamente mais eficiente na hora de gerenciar sistemas para funcionários e para os clientes.

 

Cloud Computing: por que é mais segura

É comum que especialistas na área usem esta analogia para explicar os benefícios em segurança que a nuvem proporciona: onde seu dinheiro está mais seguro, no banco ou embaixo do seu colchão?

Um bom provedor de Cloud Computing oferece ferramentas especializadas e auditadas para que sua empresa tenha seus arquivos protegidos, sendo a disponibilidade uma parte importante dessa equação. Um exemplo é o Cybersecurity Center, um modelo de monitoramento com um time especializado e ferramentas específicas para garantir a segurança. A própria Microsoft, provedora do Azure, tem uma dessas centrais dedicadas para tratar ameaças cibernéticas.

Ter dados disponíveis em qualquer lugar, de qualquer aparelho, é uma vantagem que não só agiliza a operação da empresa como garante que, em qualquer problema, essas informações podem ser imediatamente recuperadas a partir de um backup ou sistema redundante.

 

Segurança da informação: como se proteger melhor

Mas não é apenas o serviço contratado que garante maior segurança das suas informações. É preciso um alinhamento estratégico com o setor de TI para que os dados sejam protegidos também na sua ponta do sistema. Veja alguns exemplos do que um gestor pode fazer para uma nuvem mais segura:

 

Defina políticas de segurança

O papel principal de um gestor é definir as políticas de uso do sistema, regras para produção e a base para indicadores de performance que ajudem no acompanhamento da operação.

Aposte em um planejamento mais detalhado que crie termos de uso claros para os funcionários. Use também ferramentas que gerenciem melhor o acesso ao sistema e invista em plataformas de monitoramento para identificar qualquer risco de segurança o mais rápido possível.

 

Monitore dispositivos autorizados

É importante também ficar de olho nos dispositivos que acessam seu sistema e de que forma eles interagem com informações sensíveis da empresa. A Shadow IT (quando aplicativos visualizam e editam arquivos sem conhecimento da TI) é hoje um dos principais riscos de segurança dentro de negócios que buscam a transformação digital.

 

Crie rotinas de backup automatizadas

São as rotinas de backup que garantem a disponibilidade otimizada da nuvem, ainda mais quando essas tarefas são automatizadas e redundantes. Exija da sua equipe de TI processos bem definidos e ferramentas de apoio que gerenciem esses backups de forma eficiente e segura.

 

Invista em soluções de Proteção Avançada contra ameaças

A Microsoft possui um Cybersecurity Center, com time dedicado, para tratar ameaças cibernéticas. O que é de extrema importância para proteção de dados corporativos e gerenciamento de riscos equilibrando a produtividade da sua organização com prevenção, detecção e resposta robusta.

 

Invista em parcerias tecnológicas

É sempre recomendado a contratação de uma empresa especializada para garantir a implementação do melhor modelo de nuvem. E não é difícil encontrar as melhores empresas para garantir segurança em cloud de excelência — basta pesquisar pelas certificações e parcerias que ela possui.

Empresas como Dell, Microsoft e a TREND são líderes reconhecidas nesse mercado. Se sua fornecedora tiver esse tipo de chancela para trabalhar, você pode usufruir de todas as vantagens da nuvem sem preocupações.

Quando se fala em segurança e disponibilidade na nuvem, não há mais dúvidas: o avanço da tecnologia nos últimos anos fez com que a proteção de seus dados e a praticidade no acesso tornassem a Cloud Computing a melhor opção para uma operação tranquila e eficiente.

Para atingir esse objetivo, basta um bom gerenciamento da nuvem e regras bem definidas. Se você quer melhorar ainda mais sua empresa nessa área, então venha ler este outro artigo sobre como estar em compliance com a Cloud Computing!

Comentários

comentários