Azure

Como funciona a análise preditiva do Azure?

análise preditiva

Nada pode ser mais desesperador para uma empresa do que uma mudança brusca e inesperada no mercado. Ser pego de surpresa pode custar caro. No entanto, esse risco está em vias de se tornar cada vez menor, graças a duas palavras: análise preditiva.

Quando falamos em big data, ou análise de dados, não é estranho pensar que essas informações devem ser usadas para avaliar as decisões tomadas no passado, descobrindo se elas foram acertadas, ou não. Porém, já é possível prever comportamentos que ainda virão.

Análise Preditiva: como funciona?

O volume de dados cresceu muito. Vamos dedicar nossa atenção apenas ao exemplo das redes sociais. Imagine quanta informação os internautas — que são potenciais clientes — produzem de forma espontânea.

A produção é suficiente para prever uma nova tendência de consumo, ou rejeição de uma marca. A análise preditiva se beneficia da tecnologia existente para captar e interpretar dados, por meio das soluções de big data, já disponíveis no mercado.

Exemplos de uso da análise preditiva

O setor de contratação de uma empresa pode se beneficiar muito dos resultados apresentados pela análise preditiva. Saber a quantidade ideal de colaboradores que devem ser contratados, porque a empresa já possui estimativa de quanto venderá — baseada em análise preditiva —  pode evitar gastos desnecessários com contratações, por exemplo.

Seguindo a mesma linha de raciocínio, o setor de marketing pode gerar estratégias muito mais acertadas, pois conhece os canais de informação utilizados pelo público-alvo.

No passado, as empresas já gastavam milhões anunciando em programas de tevê. O que justificava esse investimento era a audiência dos mesmos. Muitas decisões já eram tomadas com base em dados, o que mudou foi a qualidade dessas informações.

Análise preditiva já é uma realidade

Na Copa do Mundo de 2014, o Brasil enfrentava uma série de protestos, que poderiam colocar em risco a imagem do evento. O governo fez uso de análise preditiva, monitorando as redes sociais, para prever quais manifestações teriam mais participantes. Desse modo, as forças policiais foram deslocadas para locais com maior concentração de manifestantes, sendo utilizadas de forma mais inteligente.

Nesse caso, a análise preditiva trouxe soluções à logística e segurança do evento.

A mesma tecnologia usada pelos governos já é realidade no dia a dia de trabalho de muitas empresas.

A complexidade dessa análise pede um conhecimento em big data. Por isso, é essencial que o empreendedor contrate uma empresa especializada no assunto.

Tentar desenvolver um setor da empresa para analisar dados é inviável economicamente. Empresas, como a Neoway, por exemplo, investem milhões no desenvolvimento de ferramentas capazes de organizar e analisar dados, tornando suas soluções seguras e acessíveis aos empreendedores.

Desse modo, a companhia poderá se beneficiar da tecnologia, tornando suas decisões mais acertadas e evitando prejuízos. Um dos maiores sonhos dos empresários tornou-se realidade. Prever o futuro, utilizando a análise preditiva, já é possível.

Se você quer ter acesso a essas e outras soluções empresariais, entre em contato conosco! Teremos imenso prazer em sanar eventuais dúvidas, além de demonstrar como a tecnologia pode ser uma aliada na sua empresa!